Sapucaí terá a primeira alegoria 100% adaptada para pessoas com deficiência

Carro alegórico Embaixadores da folia

A criatividade vem de berço e a imaginação corre no sangue. O artista plástico Otávio Avancini, filho do autor de novelas Walter Avancini, é o responsável pelo primeiro carro alegórico completamente adaptado para pessoas com deficiência. O carro possui diversos elementos sensoriais, como perfume e letras em Braile e muito volume, além de rampa de acesso para pessoas com necessidades específicas, levando até 20 componentes, e vai manter na Avenida, através de sua rampa frontal de acesso, uma interação com os foliões. Segundo Otávio, a ideia de um carro com uma rampa já veio pronta, mas houve inúmeras modificações.

– Antes a rampa era na lateral e o carro era todo fechado. Resolvi passar a rampa para frente e transformar o carro em nossa grande estrela. Fazer do carro um grande fluxo de acesso, de respeito, não só para cadeirantes, mas para qualquer pessoa com algum tipo de deficiência – explica Otávio Avancini.

A alegoria faz parte da primeira escola de samba para pessoas com necessidades específicas do mundo, que vem com o enredo “Hahaha! Hihihi! Sou Embaixador e quero ver você sorrir”, que fala sobre a importância do sorriso, suas diferentes intenções, benefícios, causas e motivos. A agremiação realiza seu desfile antes do Desfile das Campeãs, no dia 20 de fevereiro. Em 2010, dos 1,3 mil componentes da escola, 900 têm alguma necessidade especial. Os demais são familiares e corpo técnico especializado, como fisioterapeutas e enfermeiros.

O carro alegórico vai ter 15 metros de comprimento e uma capa acoplada que terá 25, que vai lembrar também uma grande rampa. Além disso, a alegoria terá apoio de ferro, pisos antiaderentes e material reciclado. A estrutura metálica está sendo montada pelo serralheiro Zeli, mais conhecido como Índio, grande vencedor da festa de Parintins, uma das maiores festividades folclóricas do Brasil. Para Caio Leitão, presidente da escola de samba Embaixadores da Alegria, o carro é muito mais que uma alegoria, é a representação da alegria, pois o clown é a personificação do sorriso na avenida.

– O carro é totalmente acessível e bem seguro, pode suportar mais de uma tonelada, pois foi feito sob medida para adequar a nossa realidade. Sem a parceria com a MAN Latina America, a nossa principal patrocinadora, não seria possível fazer uma alegoria que vai ter quinze metros de comprimento, oito de largura e cinco de altura, além de suportar toda a alegria e agito dos andantes e cadeirantes que irão brincar e sambar durante o desfile. Uma grande realização – diz, empolgado, Caio Leitão.

A alegria dos foliões vai além dos 45 minutos de desfile, ela é elemento incentivador para as atividades sociais que estão sendo desenvolvidas em parcerias com o Instituto do Carnaval, da Universidade Estácio de Sá, e Furnas Centrais Elétricas. O objetivo é formar mão-de-obra especializada para o carnaval, com oficinas de artesanato, figurino, percussão e de adereço, tudo com o objetivo de formar mais de 400 profissionais por ano para a indústria carnavalesca.

fonte: SRZD Carnavalesco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*